Veja como o veneno de cobra pode afetar o seu corpo.

Uma picada de cobra não significa necessariamente uma mordida envenenada, injeção de veneno está sob controle da cobra. Muitas vezes (cerca de 50% do tempo) elas liberam uma “picada seca”,, onde o veneno não é injetado. Caso você seja mordido, manter a calma em todas as circunstâncias. Pânico e choque são os maiores assassinos do que o próprio veneno.

Cobras venenosas
Menos de um terço das espécies de cobra do mundo são venenosas e menos de 10% são perigosamente venenosas. No entanto, na Austrália 65% de todas as espécies de cobras são venenosas. Nos Estados Unidos, apenas 10% das espécies de cobras são venenosas.

O veneno de cobra comum não está na lista dos dez piores venenos mas é ainda 40 vezes mais tóxico que o cianeto.

O veneno da cobra marrom australiana é tão poderoso que apenas 1/500 gramas de seu veneno é suficiente para matar um ser humano adulto.

Pé envenenado

Tipos de veneno
Existem algumas categorias de veneno de cobra. Cobras venenosas podem ter uma combinação dos seguintes tipos de veneno:

Veneno hemotóxico

Afeta o  sangue e a circulação. (víbora de Russel, víbora de poço da Malásia.)
A presa morre de insuficiência cardiovascular e sangramento. O Envenenamento humano muitas vezes resulta em grande dor, inchaço e hematomas, queda da pressão arterial, seguido de sangramento de gengivas, nariz, olhos e no cérebro. A morte pode resultar de mordidas não tratadas. O veneno da víbora de Russel e da víbora de poço da Malásia é muito tóxico, causando danos graves nos tecidos e órgãos.

Miotóxico.

Afeta o  tecido muscular. (Cascavel, serpentes do mar e Kraits malasianas)
Na presa o veneno rapidamente desativa as contrações musculares, tornando mais fácil de segurar e de comer. Mordidas em humanos resultam em dor nas pernas, quadris e ombros, com paralisia e danos aos rins. Cerca de 25% das vítimas sofrem graves danos musculares e nos rins.O veneno pode causar necrose do músculo (a morte de células e tecidos).

Neurotóxicos

Afeta o sistema nervoso. (Cobra real, Cobra Cuspideira Moçambicana e a família Krait)
Acontece  uma paralisia progressiva dos músculos esqueléticos e periférico, seguido de morte por insuficiência respiratória. O envenenamento inicia-se com pálpebras caídas e um atordoamento , às vezes, seguido de espasmos, salivação excessiva e vômito. Inchaço e danos nos tecidos pode também ocorrer. Se não for tratada, a picada pode levar a morte por insuficiência respiratória. O veneno da cobra siamesa é mais tóxico do que veneno da cobra real mas a cobra real injeta um volume muito maior de veneno com sua mordida. Já o veneno da Krait malasiana é o mais tóxico das kraits e a serpente morde geralmente durante a noite enquanto a vítima está dormindo e os  sintomas de paralisia e sonolência podem passar despercebidos.

fonte