Titanoboa: A maior cobra que já rastejou sobre a Terra.

A Titanoboa é uma cobra extinta. É a maior cobra que já existiu neste planeta. É também o maior réptil que existiu desde que os dinossauros foram extintos. Essas cobras viveram cerca de 60 milhões de anos atrás. Fósseis delas só foram encontrados em uma área do mundo, La Guajira, na Colômbia. Seu nome Titanoboa significa  Boa Titanic.

A Titanoboa era como algo saído de um filme de terror de Hollywood. Elas tinham entre 12 e 15 metros de comprimento, pesavam em torno de uma tonelada e tinham 1 metro de largura. As cobras de hoje seriam apenas bebês em comparação a Titanoboa. A maior cobra registrada na Terra hoje possui 8 metros de comprimento, uma Titanoboa poderia facilmente ter comido uma cobra desse tamanho como café da manhã.

Os cientistas acreditam que o tamanho de uma cobra corresponde diretamente com a forma (quente ou frio) do clima em que vivem. Quanto mais quente o clima maior cobra, quanto mais frio o clima,menor a cobra. Seguindo esse raciocínio, para a Titanoboa ter crescido desta forma, La Guajira, na Colômbia deveria ter tido uma média de cerca de 30 graus Celsius. Pelo que os cientistas podem dizer a partir de fósseis, eles acreditam que a Titanoboa parecia muito com uma sucuri, tanto em aparência e coloração.. O anaconda é provavelmente uma descendente da Titanaboa.

Titanoboas comiam de tudo, incluindo crocodilos pré-históricos, grandes peixes tropicais, grandes aves, roedores gigantes e tartarugas com uma carapaça medido, pelo menos, dois metros de largura. Acredita-se que ela matavam suas presas por constrição, sufocando e esmagando-os à morte. Acredita-se que essas cobras tinham uma taxa metabólica tão baixa que só precisavam comer duas vezes por ano (Para noooosa alegria!Diziam os animais da época).

Fósseis desta serpente gigante foram encontrados em 2009 por uma equipe de cientistas internacionais, que eram liderados pelo canadense Jason Head. Desde a descoberta, os cientistas tiveram que repensar suas crenças sobre como o mundo era 60 milhões de anos atrás. Eles não pensavam que a Terra era tão quente durante esse tempo, mas a existência de uma cobra gigantesca como esta pode provar que eles estão errados. Eles agora teorizam que um efeito de estufa natural estava acontecendo na Colômbia no momento em que a Titanoboa viveu. A existência da Titanoboa também ajudou a provar que um aquecimento global natural aconteceu na Terra no passado,mas ao contrário do aquecimento global produzido pelo homem que demora décadas, o aquecimento global natural, acontece ao longo de milhões de anos.

A Titanoboa foi um animal incrível que viveu muito antes do homem andar neste planeta. Seus fósseis nos ajudam a compreender um mundo que só podemos começar a imaginar. A Titanoboa foi extinta devido a mudanças climáticas muito rápidas que elas não foram capazes de suportar. No entanto, sua prole, a sucuri (as vezes conhecida Anaconda), caças agora a Amazônia e embora elas não espalhem o terror como a  Titanoboa teria feito, elas ainda são uma das criaturas mais temidas na Terra hoje.

fonte