Belgian Blues, as “vacas monstro” da Bélgica.

Originário da Bélgica do século 19 pelo cruzamento do gado local com gado britânico, o gado Belgian Blue são gigantescas maravilhas bovinas. Seu enorme tamanho e massa muscular, algumas vezes chamada “musculatura dupla”, é uma mutação natural do gene da miostatina, uma proteína que regula o crescimento muscular. Esta mutação resulta em acelerado crescimento da massa muscular magra.
Esta raça produz quantidades extraordinárias de carne, mas os críticos chamam as Belgian blues  de “vacas monstro” e em alguns países, incluindo a Dinamarca, têm defendido a eliminação da raça. A raça de corte moderno foi desenvolvido no início dos anos 50 pelo professor Hansey, que trabalhava com inseminação artificial, na província de Liege.

Fonte