Os 5 iates mais caros do mundo.

Dê uma olhada nesta coleção do mundo de cinco iates mais caros! Algumas pessoas estão vivendo seus sonhos!

05. Octopus: 200 milhões dólares

Proprietário: O Octopus é uma das três embarcações de propriedade de Paul Allen. Paul Allen é co-fundador da Microsoft junto com Bill Gates. Paul Allen também é proprietário dos mega iates e Tatoosh e Méduse.

Construção: Octopus tem uma equipe em tempo integral de 60 pessoas, incluindo um ex-Navy Seals (Força de Operações Especiais da Marinha dos Estados Unidos). Ele foi projetado pela companhia mundialmente famosa Espen Oino Naval Architects. Os estaleiros alemães Lürssen e HDW fizeram o exterior. O seu casco é feito de aço.

Características: dois heliportos na plataforma superior (um na proa e outra popa, cada um com um helicóptero), sete barcos, uma piscina em um dos andares superiores , uma quadra de basquete, e dois submarinos: um rastreador de solo operados por controle remoto para estudar o fundo do oceano e uma embarcação  com capacidade de 10 homens para oito dormirem até duas semanas debaixo d’água.. escotilhas laterais na linha da água formam uma base para jet skis. O interior do Octopus foi projetado pelos designers americanos Jonathan Quinn Barnett and Christian Grevstad de Seattle. fonte

04. Rising Sun 200 milhões dólares

Proprietário: Rising Sun é de propriedade conjunta de Larry Ellison e David Geffen.

Construção: Rising Sun foi desenhado por Jon Bannenberg e construído pela empresa alemã Lürssen. Ele é equipado com quatro hélices e quatro motores diesel MTU 20V 8000 M90  dando uma potência  de 36.000 kW (50.000 hp). O iate atinge velocidades de cruzeiro de 28 nós (52 km / h). Rising Sun foi lançado em 2004.

Características: O iate Rising Sun teria cerca de 82 quartos, mais de 740 metros quadrados de espaço vivo, e 3.200 metros quadrados de espaço de convés. Suas características especiais incluem casas de banho, um spa, ginásio,sauna, uma adega, um cinema privado, com uma tela de plasma, e uma quadra de basquete no convés, que também pode ser usada como heliporto.  O iate Rising Sun também vem equipado com embarcações para atracagem desenhadas para o  transporte de veículos utilitários em terra. fonte


03. Lady Moura: 210 milhões dólares

Proprietário: Lady Moura é propriedade de Nasser Al-Rashid, o fundador da Engenharia Rashid, que segundo  boatos seria um conselheiro influente para a família real saudita, assim como um bilionário. Nasser Al-Rashid é um ex-aluno da Universidade do Texas. Nasser Al-Rashid foi o único dono do iate Lady Moura desde que ele foi  lançado.

Construção: Lady Moura foi desenhado pela Blohm & Voss, em conjunto com o designer e arquiteto italiano Luigi Sturchio. O casco amplo do Lady Moura e sua superstrutura são feitos de aço. Seu propulsor é constituído por dois motores a diesel  KHD-MWM  que produzem 5.050 quilowatts de potência. O  Lady Moura atinge velocidades de mais de 20 nós. Uma infinidade de plataformas, passarelas e pontes rolantes fornecem acesso fácil a todas as partes do iate.

Características: Como muitos iates de propriedade árabe,  o Lady Moura é um navio privado  que caracteriza o espaço no convés inferior aberto para banho de sol de um interior luxuoso e impecável.. Suas propostas inclua um Mangusta 80, um barco bonito por sua própria iniciativa, bem como um barco a vela San Juan. Ele também tem um helicóptero Sikorsky S76B correm  boatos de uma garagem com um  Baleeiro Boston, um barco Ski Nautique e um Taxi veneziano. O iate uma plataforma retrátil, coberta de areia que desliza para fora  logo acima da linha de água para criar uma praia arenosa. fonte


02. Dubai: 350 milhões dólares

Proprietário: O iate Dubai foi construído para o Sheikh Mohammed bin Rashid al-Maktoum, governante de Dubai.

Construção: O casco e a superestrutura do Dubai foi construído pelo estaleiro alemão Blohm & Voss e pela  também  alemã Lurssen Yachts. O primeiro dono deste iate foi o  príncipe Jeffry de Brunei , que vendeu a Dubai antes que ele fosse lançado e seu nome mudado. Ele possui propulsão Twin Screw e um casco de aço.

Características: O mega iate Dubai é um navio discreto, mas o boato afirma que suas instalações incluem uma área de churrasco, discoteca, cinema em tamanho natural, quadra de squash, ginásio, um heliporto, e uma área de armazenamento para um submarino. Seu interior foi projetado pela  Andrew Winch Designs Ltd. fonte


01. Eclipse: 1,2 bilhões dólares

Proprietário:O iate Eclipse pertence ao  bilionário russo de 36 anos Roman Abramovich, que fez sua fortuna no ramo do petróleo, bem como de commodities como o níquel e o alumínio, e outros investimentos. Roman Abramovich é conhecido como o dono do Chelsea Football Club. Ele também é dono de três outros iates (Pelorus, Sussurro e Ecstasea) são mais frequentemente vistos em Mônaco,Porto fino, Cannes, e partes da América do Sul e Caribe. fonte

Isso faz com que o Eclipse maior iate privado do mundo, com 11 metros, o Eclipse tem dois heliportos, 11 cabines de hóspedes, duas piscinas, várias banheiras de hidromassagem e uma sala de discoteca. Ele também vem equipado com três barcos de lançamento, e um mini-submarino capaz de submergir até 50 metros. Cerca de 70 membros da tripulação são necessários para operar o iate.

Por segurança, o Eclipse é equipado com sistemas de detecção de intrusos e um sistema de defesa de mísseis de fabricação alemã de . As janelas da suíte mestre de Abramovich  e ponte do iate também estão equipados com vidros à prova de bala e ambos são envolvidos em uma armadura prateada.  O iate também estaria equipado com um escudo anti-paparazzi na forma de lasers que varrem a atmosfera, e quando detectam um sensor CCD, ele  dispara um raio de luz na direção  da câmera para  obliterar qualquer fotografia.



Segundo o The Times, este sistema não funciona  o tempo todo, para que amigos e convidados ainda possam fazer suas fotos. Em vez disso, são enviados seguranças para expulsar manualmente qualquer fotógrafo profissional nas proximidades. Como tal dispositivo funciona? na prática ninguém sabe.
O Eclipse foi lançado no dia 12 de junho de 2009.

Fonte